Família

21 / 56

Só pode!

O marido chega a casa indignado e diz para a mulher:

- Encontrei aquele besta do segundo andar a se gabando de ser o maior garanhão. Sabes o que ele me disse? Que já comeu todas as mulheres daqui do prédio, menos uma.

E a mulher prontamente responde:

- Deve ser aquela nojenta do sexto andar!

Mais anedotas de família

43 / 56

Impossível!

O camponês vai com a família passar uns dias na cidade. Ao chegar a um hotel, parou estupefacto em frente ao elevador tentando entender para que servia uma porta com tanta luz piscando. De repente, uma senhora bem velhinha entra no elevador, a porta se fecha e ela desaparece. Pouco depois a porta abre-se novamente e o homem dá de caras com uma mulher muito mais jovem e bonita. Entusiasmado, ele grita para o filho:

- Pedro, vá a correr chamar a sua mãe!
39 / 56

Duas horas de atraso

Depois de esperar uma hora e meia pelo namorado para irem jantar, a rapariga decidiu que não valia a pena esperar mais.

Tirou a roupa de gala e vestiu o pijama, fez pipocas e sentou-se no sofá a ver TV.

Logo depois, a campainha toca.

Ela abre a porta e o namorado diz:

- É sempre a mesma coisa! Eu até chego duas horas atrasado e tu ainda não estás pronta!
24 / 56

Era o que me faltava!

Um rapaz vai a uma farmácia e diz ao farmacêutico:

- Senhor, dê-me um preservativo. A minha namorada convidou-me para ir jantar esta noite lá a casa, já saímos há três meses, e ela começa a querer desenvolvimentos! O farmacêutico dá-lhe o preservativo e o jovem sai da farmácia.

De imediato, volta a entrar, dizendo:

- Senhor, é melhor dar-me outro, porque a irmã da minha namorada, é uma boazona de primeira e passa a vida a cruzar as pernas à minha frente. Acho que também quer algo, e como vou jantar hoje lá a casa...

O farmacêutico dá-lhe o preservativo e o jovem sai da farmácia. De imediato, volta a entrar, dizendo:

- Senhor, é melhor dar-me outro, porque a mãe da minha namorada também é boa como o milho. A velha, quando a filha não está ao pé, passa a vida a insinuar-se dum modo que me deixa atrapalhado, e como eu hoje vou jantar lá a casa...

Chega a hora da comida e o rapaz está sentado à mesa com a sua namorada ao lado, a mãe e a irmã à frente. Nesse instante entra o pai da namorada e senta-se também à mesa. O rapaz, baixa imediatamente a cabeça, une as mãos e começa a rezar:

- Senhor, abençoa estes alimentos, ..., damos-te graças por estes alimentos, ...

Passa um minuto e o rapaz continua de cabeça baixa rezando:

- Obrigado Senhor por estes dons...

Passam cinco minutos e prossegue:

- Abençoa Senhor este pão...

Passam mais de dez minutos e o rapaz continua de cabeça baixa rezando. Todos se entreolham surpreendidos e a namorada diz-lhe ao ouvido:

- Meu amor, não sabia que eras tão crente!

- E eu não sabia que o teu pai era farmacêutico!