Anedotas Club

Anedotas de Bêbados

23 / 26

Bêbados na ponte

Iam dois bêbados na ponte, quando um deles se desequilibra e cai no rio.

De imediato o outro foi pedir socorro, mas quando o tiraram da água já estava morto.

- Então, como é que ele está? - perguntou o outro bêbado.

- Bebeu água a mais.

- Está a ver. Bebe água pela primeira vez e morre.

Mais anedotas de Bêbados

Conversas

Na aula, o Joãozinho estava sucessivamente a conversar e interromper outros. Diz a professora:

- Sabes qual é o nome que se dá a uma pessoa que continua a falar, mesmo quando os outros não estão interessados?

E responde o Joãozinho:

- Professor…

O incêndio

Uma morena, uma ruiva e uma loira escapam a um incêndio fugindo para o telhado do prédio. Os bombeiros estão na rua, 10 andares abaixo, com um grande pano para que elas saltem.
Os bombeiros gritam à morena, "Salte! Salte! É a sua única hipótese de sobreviver!"
A morena salta e... OOOOLLLÉÉ! Os bombeiros puxam o pano no último instante e... a morena esborracha-se como um tomate.

"Força! Salte! Tem que saltar!" dizem os bombeiros à ruiva.
"Oh não! Vocês vão me fazer a mesma coisa!" responde a ruiva.
"Não! Nós só não gostamos é de morenas! De ruivas gostamos!
"OK" diz a ruiva, ao mesmo tempo que salta.
OOOOOOOOOOOLÉ! Os bombeiros desviam o pano e a ruiva espeta-se no chão, mesmo ao lado da morena.

Finalmente, a loira chega-se à beira do telhado. Mais uma vez, os bombeiros gritam "Salte! Tem que saltar!"
"Nem pensem! Vocês vão tirar o pano de baixo quando eu saltar!" grita a loira.
"Não! De maneira nenhuma! Tem que saltar! Nós não vamos tirar o pano!"
"Olhem," diz a loira, "nada do que possam dizer me vai convencer que não vão tirar o pano! Por isso, o que eu quero que façam é que pousem o pano e se afastem todos dele…

Uma grande surpresa

Três cegonhas estão a voar e uma pergunta a outra:

- Para onde é que vais?

- Vou a casa dum casal que há dez anos está a tentar ter um filho.

- Que bom!

- E tu?

- Eu vou a casa duma senhora que nunca teve filhos. Levo-lhe aqui um lindo rapaz.

- Que bom! Vais deixá-la muito feliz.

- E tu? - perguntaram as duas à terceira cegonha.

- Eu? Eu vou a um convento de freiras. Nunca levo nada, mas sempre lhes prego um susto do caraças!