Anedotas Club

Anedotas de Loucos

11 / 16

A porta

Num hospício, os médicos fizeram um teste aos loucos para ver quem estava curado. Eles desenharam uma porta na parede, e quem tentasse abrir ainda estava louco. No dia seguinte todos queriam abrir a porta, menos um que estava sentado e não parava de rir, por isso os médicos chegaram à conclusão que estava curado, mas antes de liberá-lo perguntaram:

- Porquê você estava rindo dos outros?

Ele respondeu:

- Porque a chave está comigo!

Mais anedotas de Loucos

Problemas pouco saudáveis

Um grande apreciador de copos vai ao médico, acompanhado da sua mulher. Explica o homem:

- Doutor, sinto náuseas, dores no corpo, boca seca…

- Você fuma? – pergunta o médico.

Diz o homem:

- Uns cinquenta cigarros por dia!

- Ah! Aí está o problema – interrompeu o médico – Pare de fumar imediatamente e voltará a ter uma saúde de ferro!

Já fora do consultório a sua mulher o interpela:

- Tu nunca fumaste um único cigarro. Porque é que mentiste?

Explica o homem:

- Se eu dissesse que não fumava ele iria perguntar se eu bebia, e aí, meu Deus, lá se ia os vinhos, cervejas!

O anão que queria ser atendido

Um anão entra num bar. Vendo um balcão muito alto, começa aos saltos e a gritar:

- Queria um sumo! Queria um sumo!

Como ninguém aparecia, o anão começa a ficar chateado.

Decide dar a volta ao balcão e, do outro lado, vê outro anão aos saltos a gritar:

- Fresco ou natural? Fresco ou natural?

Costa mais próxima

Numa ilha estavam presas uma loira, uma morena e uma ruiva. A costa mais próxima estava a 50 quilómetros de distância, mas mesmo assim decidem testar a sorte e chegar até à costa a nado. A ruiva nada 15 quilómetros, mas acaba por se afogar e morre. A morena ainda consegue nadar 24 quilómetros, mas também acaba por se afogar e morrer. Já a loira consegue nadar 25 quilómetros, mas acabou por se cansar e decidiu voltar para trás.