Anedotas Club

Anedotas de Médicos

4 / 11

Pouco tempo

Uma mulher pessimista vai ao posto de saúde, é atendida e pergunta para o médico:

- Doutor, quanto tempo eu tenho?

O médico responde:

- Você tem pouco tempo.

- Então quer dizer que eu posso morrer a qualquer momento?

- Não, é que eu tenho outras pessoas para atender.

Mais anedotas de Médicos

Excesso de velocidade

O polícia de uma pequena cidade apanha um motorista por excesso de velocidade.

- Mas Guarda, eu posso explicar - responde o motorista.

- Fique quieto! Vou colocá-lo na cadeia até o chefe chegar! - diz o polícia.

- Mas, por favor, eu só queria dizer que...

- Silêncio! Você está preso!

Então, ele põe o homem numa cela, sozinho, e vai embora sem lhe dar atenção. Horas mais tarde, o Guarda volta:

- O chefe está chegando! Sorte a sua que ele foi ao casamento da filha dele. Deve estar de bom humor.

- Duvido muito... Se tivesse me deixado falar, saberia que o noivo sou eu!

Não chames nomes!

O garoto apanhou da vizinha, e a mãe furiosa foi tomar satisfação:

- Por que a senhora bateu no meu filho?

- Ele foi mal-educado, e me chamou de gorda.

- E a senhora acha que vai emagrecer batendo nele?

Com que então, com que então!

Um senhor já de idade estava lendo o seu jornal sentado na cadeira de balanço na varanda da sua casa. De repente chega a sua mulher e mete a panela bem forte na cabeça de seu marido.

- Páaaaaaaaaaaaaaa!

Ele assustado pergunta:

- Mas o que foi?!

Ela responde:

- O que era aquele papel escrito com números e o nome de uma mulher chamada Marylu?

Ele explica:

- Mas amor do meu coração! Não te lembras daquele dia?

- Qual dia?

- Aquele em que apostei num cavalo!

- E então?

- O número era da quantia e o nome era do cavalo!

- Desculpa, por favor!

Passa alguns dias e ela volta a bater com a panela na cabeça dele!

- Então pá?!

- O cavalo está-te a ligar!