Anedotas Club

Anedotas de Polícia

5 / 14

Passagem do pano

A polícia estava a conversar no rádio:

- Meu sargento, chegamos ao local do crime.

- Faça o relatório.

- Uma mulher matou o marido. Foram 35 facadas, 2 tiros, depois de o já ter asfixiado.

- Meu Deus! E qual foi o motivo do crime?

- Ele pisou onde ela estava passando o pano!

- E conseguiram capturar a mulher?

- Não, Sargento, estamos à espera que o piso seque!

Mais anedotas de Polícia

Pessoas malcriadas

A mãe pergunta ao filho:

- Porque é que já não passas tempo com o vizinho?

E diz o miúdo:

- Mãe, você gostava de passar tempo com alguém que fuma, bebe muito e ainda diz asneiras?

- Credo, claro que não! - responde a mãe chocada.

E conclui o miúdo:

- Pois é mãe, ele também não gosta!

Um atropelamento de um caracol

Um caracol ia a atravessar a estrada e foi atropelado por uma tartaruga.

Quando acordou nas urgências do hospital perguntaram-lhe o que é que lhe tinha acontecido:

- Como é que quer que eu saiba?! Foi tudo tão depressa!

De novo?!

Dois GNR na berma de uma estrada no distrito de Beja vêm passar um carro a mais de 160 km/h.

Diz um para o outro:

- Aquele não é o gajo a quem apreendemos a carta a semana passada por excesso de velocidade?

- Era pois - respondeu o segundo - vamos caçá-lo!

Uns quilómetros mais adiante já com o carro parado, um dos GNR chega-se ao pé dele e pergunta-lhe:

- A sua carta de condução?

- Mau! Perderam-na?!