Anedotas de Ignorância

22 / 93

Para a semana não posso!

Haviam três amigos que iam à pesca todos os domingos, e há um domingo em que um deles que se vira para os outros e diz assim:

- Para a semana não posso vir!

- Então porquê?

- Porque vou ver o filme d'"as Sombras de Grey" ao cinema com a minha mulher.

- Ah, sem problema. Então vai lá com a tua mulher.

E pronto, passou uma semana, e no próximo domingo, os outros dois amigos não deixaram de ir pescar, mas para suas surpresas, ao chegaram ao porto de pesca, estava lá o outro sentado no barco.

- Então, não ias ao cinema com a tua mulher!?

- Ah, fui, fui! O filme foi interessante, estivemos a ver o filme, aquilo até foi engraçado, mas depois fomos para casa, ela amarrou-se à cama e disse-me assim: "Agora podes fazer o que tu quiseres" e eu fui à pesca.

Mais anedotas de Ignorância

Tem cuidado!

Uma loira viajou para o Rio de Janeiro no fim-de-semana.

Antes de partir um amigo deu uma recomendação:

- Tem cuidado, pois no Rio de Janeiro na sombra estão 50 graus!

A loira agradeceu o conselho, mas um mês depois retornou mais bronzeada que um carvão.

Ao encontrar o amigo, ele pergunta:

- Eu não te avisei para tu tomares cuidado?

E a loira responde:

- Pois é, tu disseste que na sombra estavam 50 graus e por isso eu andei sempre no lado do sol!

Pense bem!

As pessoas que ainda trabalham, perguntam-me muitas vezes, o que é que eu faço todos os dias, agora que estou reformado.

Bem, por exemplo, outro dia eu fui tratar de um assunto no meu banco, não demorei muito, foi uma questão de cinco minutos.

Quando saí, um polícia estava preenchendo uma multa por mau estacionamento.

Rapidamente aproximei-me dele e disse:

- Vá lá, senhor Guarda, eu não demorei mais que cinco minutos! Deus irá recompensá-lo se tiver um gesto simpático para com um reformado!

Ele ignorou-me completamente e continuou a preencher a multa.

Aí eu passei-me, e disse-lhe que só tinha demorado 1 minuto, blá blá blá…!

Ele olhou-me friamente e começou a preencher outra infração alegando que também não tinha a vinheta comprovativa do seguro.

Então levantei a voz para lhe dizer que já tinha percebido que estava a lidar com um polícia idiota e mal formado, e que nem compreendia como é que ele tinha sido admitido na polícia de trânsito!

Ele terminou de autuar pela segunda infração, colocando-a no para-brisas, e começou com um terceiro preenchimento.

Eu já o estava a chatear há mais de 20 minutos, chamando-o de tudo.

Ele, a cada "mimo", respondia com uma nova infração e consequente preenchimento da respetiva multa acompanhada de um sorriso que refletia uma satisfação de vingança!

Depois da décima violação eu disse-lhe:

- Tenho pena senhor Guarda, mas tenho que me ir embora! Vem ali o meu autocarro!

Cantorias

Eram já altas horas da madrugada e um bêbado passava pela rua a cantar e a tocar guitarra.

Aí aparece um polícia e diz ao bêbado:

- Pare lá com essa cantoria que você está a acordar toda a vizinhança. Vamos, acompanhe-me!

E diz o bêbado:

- É para já! Pode ser em dó maior?