Anedotas Club

Anedotas de Polícia

2 / 14

Suicídio

Estava um polícia a fazer uma investigação e diz, convicto:

- Não há dúvida. Este homem suicidou-se.

- Mas como é que é possível? Então não foi o outro que o matou, com a metralhadora? - pergunta o colega, admirado.

- Foi. Mas quem o mandou fazer frente-a-frente a uma metralhadora com uma simples pistola?

Mais anedotas de Polícia

Fiquei com pena!

Irritado com os seus alunos, o professor lançou um desafio:

- Aqueles que se julgarem burros, façam o favor de se por de pé.

Continuaram todos sentados.

Alguns minutos depois, o Joãozinho levanta-se.

- Quer dizer que te achas burro Joãozinho? - perguntou o professor.

- Bem para dizer a verdade, não! Mas fiquei com pena de ver o senhor aí, em pé, sozinho!

Não serviu de nada!

Uma brasileira vai visitar uma amiga portuguesa e, quando as duas estão passeando pelas ruas, um turista as aborda:

- Entschuldigung, koennen Sie Deutsch sprechen? - pergunta ele.

As duas garotas se entreolham e o sujeito tenta novamente:

- Excusez-moi, parlez vous Français?

As duas continuaram sem entender nada.

- Parlare Italiano?

Elas permaneceram caladas.

- Hablan ustedes Español?

Nada.

Angustiado, o turista poliglota desiste e vai embora.

Então a brasileira vira-se para a portuguesa e diz:

- Amiga… acho que a gente devia aprender uma língua estrangeira!

- Para quê? - perguntou a portuguesa - Aquele gajo ali sabia falar cinco línguas e não adiantou nada!

O mais velho

O pai fala para o filho:

- Filho! Põe a sela no cavalo velho para mim!

- Ah, pai… Mas por que você vai com o cavalo velho?

- É que eu acho que nós temos que gastar as coisas velhas primeiro!

- Então por que o senhor não vai a pé?