Anedotas Club

Anedotas de Alentejanos

4 / 29

Mas está a chover?!

Um alentejano anda a regar a horta. Começa a chover, mas ele continua a regar. Passa um vizinho que lhe pergunta:

- Atão compadri! Está a choveri e vomeçê continua a regari?

Responde o agricultor:

- Ê cá nã preciso de favores de ninguém!

Mais anedotas de Alentejanos

Professora pede boas ações

Uma professora:

- Hoje é o dia mundial das boas ações, portanto, o Joãozinho, o Carlinhos e o Zezinho - que eram os três "melhores" alunos da turma - vão lá fora praticar uma boa ação, e voltam para contar aos colegas o que fizeram, está bem?

Os miúdos lá foram e passado quase uma hora voltaram.

- Então Joãozinho, qual foi a boa ação que praticaste?

- Eu ajudei uma velhinha a atravessar a rua!

- Muito bem, e tu Carlinhos?

- Eu também ajudei a velhinha a atravessar a rua!

- Ah sim? E tu Zezinho?

- Pois... Eu também ajudei a velhinha a atravessar a rua!

- O quê? Os três!?!? Então e demoraram tanto tempo porquê???

- Não havia maneira do raio da velha querer atravessar a rua!

Uma simples boleia

Uma freira estava andando pela rua quando de repente uma loira lhe ofereceu boleia. Muito agradecida, ela aceitou e entrou no carro. Uma reluzente Ferrari vermelha com estofado de couro.

- Que belo carro a senhora tem – comentou a irmã - deve ter trabalhado ardentemente para tê-lo comprado, não é mesmo???

- Não foi bem assim não, irmã – respondeu a loira – na verdade eu ganhei de um empresário que dormiu comigo por um tempo!

A freira não diz nada. Então ela olha para o banco traseiro e vê um belo casaco de vison…

- O seu casaco de peles é muito bonito! Deve ter custado uma fortuna, não???

- Na verdade não me custou muito… Ganhei por causa de algumas noites que eu passei com um jogador de futebol…

Então a freira não falou mais nada durante toda a viagem. Chegando ao convento ela foi para o quarto e de repente alguém bate na porta.

- Quem é?

- Sou eu! O Padre Osvaldo!!!

- Vai prá puta que pariu, você e suas pastilhas de menta!!!

Um anão mole

Estava eu num bar quando entrou um anão e sentou no meu lado. Depois de alguns minutos, ele escorregou do banco, e aí eu peguei rapidamente nele pelo braço e o coloquei sentado de novo! Depois o anão escorregou de novo e consegui ajudá-lo outra vez! Acaba por escorregar uma terceira vez e eu, já fulo, puxei ele para o banco de novo e disse:

- Tás feito fresco é? Vê se te seguras! Ou vais ficar escorregando toda a hora?

Aí o anão respondeu:

- Vai-te lixar! Já três vezes que eu tento descer e tu não deixas!