Alentejanos

3 / 29

De novo?!

Dois GNR na berma de uma estrada no distrito de Beja vêm passar um carro a mais de 160 km/h. Diz um para o outro:

- Aquele não é o gajo a quem apreendemos a carta a semana passada por excesso de velocidade?

- Era pois - respondeu o segundo - vamos caçá-lo!

Uns quilómetros mais adiante já com o carro parado, um dos GNR chega-se ao pé dele e pergunta-lhe:

- A sua carta de condução?

- Mau! Perderam-na?!

Mais anedotas de alentejanos

21 / 29

Alentejano telefona para a GNR

- Estouuuu... é da GNR?

- É sim, em que posso ajudá-lo?

- Queria fazer quexa do mê vizinho Maneli. Ele esconde droga dentro dos troncos da madeira pra larera.

- Tomámos nota. Muito obrigado por nos ter avisado.

No dia seguinte os guardas da GNR estavam em casa do Manel. Procuraram o sítio onde ele guardava a lenha, e usando machados abriram ao meio todos os troncos que lá havia, mas não encontraram droga nenhuma. Praguejaram e foram-se embora. Logo de seguida toca o telefone em casa do Manel:

- Oh Maneli, já aí foram os tipos da GNR?

- Já.

- E racharam-te a lenha toda?

- Sim!

- Então feliz Natal, amigo! Esse foi o mê presente deste ano!
20 / 29

Erros à alentejana

Para testar a personalidade de um alentejano, o dono da empresa mandou pagar 500 euros a mais no salário dele.

Os dias passam e o funcionário não diz nada.

No mês seguinte, o patrão faz o inverso: manda tirar 500 euros.

Nesse mesmo dia, o funcionário entra na sala para falar com ele:

- Engenheiro, acho que houve um engano e tiraram-me 500 euros do meu salário.

- Ah?! Curioso porque no mês passado eu paguei-lhe 500 euros a mais e você não comentou nada!

- Pois, mas atão um erro eu ainda tolero; agora dois acho um abuso!!!
10 / 29

Alentejano no aeroporto

Um alentejano ia pela primeira vez fazer uma viagem de avião, quando um computador com voz, que fazia a identificação dos passageiros, lhe cativa atenção.

Mal o alentejano passou, o computador acusou: "Manuel, 52 anos, Português, casado, passageiro do voo 1455 da TAP".

Impressionado, o Manuel vai ao WC, rapa o bigode e muda de camisa. Ao passar pelo computador a voz acusou novamente: "Manuel, 52 anos, Português, casado, passageiro do voo 1455 da TAP".

Mas o Manuel não se deu por vencido. Voltou ao WC, fez uma maquilhagem perfeita, colocou uma peruca e um vestido de mulher. E pensou:

- Agora sempre quero ver se a porcaria da máquina me reconhece...

Ao passar, o computador diz: "Manuel, 52 anos, Português, casado, por causa das suas paneleirices, acaba de perder o voo 1455 da TAP".
www.000webhost.com