Anedotas de Ignorância

9 / 95

Coitado do ladrão

Um homem rindo às gargalhadas conta para o amigo:

- Hoje às 3 da manhã entrou um ladrão em casa!

O amigo diz:

- A sério?! Mas um ladrão entrou na tua casa e estás a rir? E o que é que ele levou?

E o homem responde:

- Levou porrada da minha mulher! Achou que era eu a chegar bêbado!

Mais anedotas de Ignorância

Não voltou

- Sr. polícia, o meu marido saiu de casa ontem à noite, disse que ia comprar arroz, e até agora ainda não voltou. O que faço agora?

- Sei lá! Faça macarrão!

Avião de grande qualidade

Alguns professores de uma universidade de engenharia foram convidados a entrar num avião.

Após todos se sentarem confortavelmente, eles foram informados de que o avião tinha sido construído pelos seus alunos.

Todos os professores acabam por se levantar e correm desesperadamente para fora do avião, quase em pânico.

Somente um professor permaneceu, sereno, e sentado no seu lugar.

Quando lhe perguntaram o motivo de tanta calma, ele explicou:

- Sei da capacidade dos meus alunos, e se foram eles que construíram, este avião nem vai levantar.

Más notícias!

Pedro e Maria estão num voo para a Austrália para comemorar seu 40.º aniversário de casamento.

De repente, o comandante anuncia pelos alto-falantes:

- Senhoras e senhores, tenho más notícias. Os nossos motores estão a deixar de funcionar e vamos tentar aterrar de emergência. Por sorte, vejo uma ilha não catalogada nos mapas logo abaixo de nós, e, por isso, vamos tentar aterrar na praia.

Ele aterrou com êxito, mas avisou os passageiros:

- Isto aqui é o fim do mundo e é muito provável que nós não sejamos resgatados e tenhamos que viver nessa ilha para o resto das nossas vidas!

Nesse instante, Pedro pergunta à mulher:

- Maria, entregaste o nosso IRS antes de viajarmos?

- Ai, perdoa-me Pedro. Eu esqueci-me completamente!

Pedro, eufórico, agarra a mulher e afinfa-lhe o maior beijão de todos os 40 anos de casamento.

A Maria não entende e pergunta:

- Pedro! Porque me beijaste desta maneira?

E ele responde:

- Os gajos das Finanças vão encontrar-nos!