Idosos

6 / 12

Camarões

Uma vez perguntaram a um velho milionário que vivia cercado de belas mulheres o seguinte:

– O senhor acha mesmo que essas mulheres gostam de você?

E ele respondeu:

– Meu amigo, eu gosto muito de camarão, e quando peço um prato eu não pergunto se o camarão gosta de mim. Eu simplesmente como e depois pago.

Mais anedotas de idosos

7 / 12

Um voo aterrorizador

Numa terra no meio do deserto havia um aeroporto com apenas uma ligação à cidade principal. Por ser uma terra pequena só havia dois pilotos disponíveis para essa ligação, o problema é que estes pilotos eram já idosos e usavam uma pala num olho e bengala, por isso, sempre que entravam no avião no início dos voos, os passageiros acabavam sempre por pensar que era uma piada.

Na porta do avião havia placas que acendiam conforme a situação do voo no início da descolagem que diziam: "500 metros para o fim da pista", "200 metros para o fim da pista", "100 metros para o fim da pista", e finalmente "20 metros para o fim da pista" acabando por fazer os passageiros gritarem:

- Ahhhhhhhhhhhh!!!!!

E mesmo no fim da pista o avião acaba por levantar e os passageiros suspiram de alívio. Na cabine o piloto exclama para o outro:

- Quando eles deixarem de gritar ficamos lixados!
5 / 12

Aparelho auditivo

Após testar por uma semana o novo aparelho auditivo, o idoso regressa ao médico.

- O senhor está gostando do aparelho? - pergunta o médico.

- Está funcionando que é uma maravilha - responde o senhor.

O médico pergunta:

- E o que é que a sua família achou de o senhor voltar a ouvir?

E o senhor responde:

- Bem, eu ainda não contei a eles, mas já mudei o meu testamento três vezes.
4 / 12

Estava escrito!

Um polícia estava na estrada, e ao chegar ao posto onde trabalha, avista um carro andando em baixíssima velocidade. Imediatamente ele faz sinal para o carro parar e vai falar com o motorista. Aliás, a motorista. É uma senhora idosa acompanhada de três amigas da mesma faixa etária.

- Não sei se a senhora sabe, mas andar devagar demais pode provocar um acidente! - adverte o guarda.

- Mas, guarda! Eu só estou obedecendo a sinalização! É assim muito estranho, só porque ninguém respeita a sinalização?

- Um minuto, senhora! - interrompe o polícia - posso saber que sinalização a senhora está a respeitar?

A velhinha não diz nada. Só aponta para uma placa onde está escrito "EN 50".

- Mas, minha senhora... Aquela placa não indica o limite de velocidade, mas sim o número da estrada, "Estrada Nacional 50"... Olhe, eu não vou multá-la se a senhora prometer ter mais atenção, tudo bem?

- Está bem. Está bem.

- Só mais uma coisa - diz o guarda - as restantes senhoras estão bem? Elas parecem assustadas!

- Elas já vão melhorar! - responde a senhora - é que nós acabamos de sair da "EN 250".