Anedotas de Loucos

4 / 15

A pesca

No hospício, o doido, sentado num banquinho, segura uma cana de pescar mergulhada num balde de água.

O médico passa e pergunta:

- O que é que estás a pescar?

- Otários, doutor - responde o doido.

- E já pegou algum? - pergunta o médico rindo.

- O senhor é o quinto.

Mais anedotas de Loucos

O poste

Um bêbado está pendurado num poste cantando, até que chega um Guarda e diz:

- Desça já daí!

O bêbado desce e o Guarda pergunta:

- Quem é você?

- Já não se lembra de mim? Sou o mesmo de lá de cima!

Ferramentas

Chamado às pressas no meio da noite, o médico chega todo cansado à casa de um empresário, cuja esposa estava acamada.

- Com licença - diz ele, expulsando todas as pessoas do quarto. - preciso ficar só, com a paciente!

Apreensivo, o marido fica do lado de fora do quarto.

Ouve alguns barulhos estranhos, e depois de alguns minutos o médico enfia a cabeça pela porta e pergunta ao marido:

- O senhor tem um alicate?

O marido vai buscar um alicate.

A porta torna a se fechar.

Mais barulhos estranhos e alguns minutos depois, novamente a cabeça do médico aparece na soleira da porta:

- O senhor tem uma chave de fendas?

Espantado, o marido vai buscar a chave de fendas.

Passam-se mais alguns minutos:

- O senhor tem um serrote?

E o marido, desesperado:

- Serrote? O caso dela é tão grave assim?

- Ainda não sei - explica o médico - não consigo abrir a minha mala!

De férias no Alentejo

Um casal em férias passeava pelo Alentejo.

Diz o marido:

- Querida, estamos perto de Barrancos, aquela terra onde matam os touros. Queres aproveitar e ir até lá?

- Não vale a pena, querido. Tu nem sequer tens seguro de vida…