Anedotas Club

Anedotas de Ignorância

12 / 93

Avião de grande qualidade

Alguns professores de uma universidade de engenharia foram convidados a entrar num avião.

Após todos se sentarem confortavelmente, eles foram informados de que o avião tinha sido construído pelos seus alunos.

Todos os professores acabam por se levantar e correm desesperadamente para fora do avião, quase em pânico.

Somente um professor permaneceu, sereno, e sentado no seu lugar.

Quando lhe perguntaram o motivo de tanta calma, ele explicou:

- Sei da capacidade dos meus alunos, e se foram eles que construíram, este avião nem vai levantar.

Mais anedotas de Ignorância

Um anão mole

Estava eu num bar quando entrou um anão e sentou no meu lado.

Depois de alguns minutos, ele escorregou do banco, e aí eu peguei rapidamente nele pelo braço e o coloquei sentado de novo!

Depois o anão escorregou de novo e consegui ajudá-lo outra vez!

Acaba por escorregar uma terceira vez e eu, já fulo, puxei ele para o banco de novo e disse:

- Tás feito fresco é? Vê se te seguras! Ou vais ficar escorregando toda a hora?

Aí o anão respondeu:

- Vai-te lixar! Já três vezes que eu tento descer e tu não deixas!

Sonambulismo

Duas amigas conversavam num bar:

- Como é que está o teu marido com as crises de sonambulismo?

- Já está curado!

- Como assim curado?! Que medicamento lhe deste?

- Despedi a nossa empregada!

Juiz vai à Câmara Municipal de Cuba

Um juiz teve de ir tratar de uns assuntos à Câmara Municipal de Cuba.

Foi de comboio.

Chegado à estação de Cuba, não encontrou ninguém a quem perguntar onde era a câmara.

Apenas um alentejano se encontrava na estação, quase deitado num banco, meio dormitando, com o chapéu posto sobre os olhos e com as mãos nas algibeiras.

Não encontrando mesmo mais ninguém, o juiz resolveu perguntar ao alentejano:

- O senhor, por favor, podia indicar-me onde é a Câmara Municipal de Cuba?

O alentejano, praticamente sem se mexer e sem falar, abanou apenas a ponta do pé indicando a direção.

O juiz, espantado, disse:

- Nunca vi tamanha prova de preguiça na minha vida! Se me der outra demonstração dessas dou-lhe cinquenta euros!

O alentejano respondeu:

- Meta-os aqui na algibeira.