Anedotas Club

Anedotas de Loiras

20 / 39

A caixa de correio

Num domingo pela manhã, um homem cortava a relva calmamente quando a sua vizinha loira caminhou até à caixa de correio, abriu-a, fechou-a com força e voltou furiosa para casa.

O homem continuou a aparar a relva quando de repente, a loira voltou.

Ela caminhou a bufar até à caixa de correio, abriu, fechou, deu um soco na caixa e voltou para casa com cara de furiosa.

Poucos minutos passaram quando ela aparece novamente.

Com o andar impaciente, abre a caixa de correio, bate na caixa, grita e volta para casa a resmungar.

O homem, já bastante curioso com a situação, pergunta:

- Algum problema?

Ao que ela responde:

- Problema √© pouco! Aquele computador est√ļpido n√£o para de dizer que a minha caixa de correio est√° cheia!

Mais anedotas de Loiras

Isso é pecado!

Um agricultor que estava trabalhando pesado, vê um alentejano deitado numa rede, no maior descanso.

O agricultor n√£o resiste e diz:

- Sabia que a preguiça é um dos setes pecado capitais?

E o alentejano, sem se mexer, responde:

- E a inveja é o quê?

Velhote de gatas

Estava um velhote de gatas pelo ch√£o quando um jovem se aproxima e lhe pergunta:

- O senhor perdeu alguma coisa?

- Perdi, sim. Um caramelo.

- Um caramelo? E anda aí de gatas há cinco minutos por causa de um caramelo? Não pode comprar outro?

- Mas este é especial…

- Especial? Como é que um caramelo pode ser especial?

- √Č que este tem os meus dentes l√° agarrados!

As promessas do político

Certo dia um político, em plena campanha eleitoral deslocou-se ao Alentejo.

O homem falava e ninguém batia palmas, então passou a fazer promessas e mesmo assim… nada, ninguém se manifestava.

J√° desesperado tentou a √ļltima promessa que no Alentejo n√£o devia falhar‚Ķ o homem disse em plenos pulm√Ķes:

- E eu… prometo… que… se for eleito… aqui no Alentejo… os Alentejanos… só trabalham 1 dia por ano…

Mesmo assim ninguém se mexeu, apenas se ouviu uma voz lá no fundo:

- AT√ÉO E AS F√ČRIAS PAH‚Ķ N√ÉO H√Ä?