Anedotas Club

Anedotas de Ignorância

65 / 91

Imediato! O meu casaco vermelho!

O capitão do navio encontra-se no seu camarote quando o imediato lhe vem dizer que avistaram um navio pirata que vem na sua direção. O capitão sobe até ao convés, observa o navio ao longe com um telescópio e diz:

- Traz-me o meu casaco vermelho.

O imediato pergunta:

- Casaco vermelho? Mas… para quê? - Vamos combater daqui a nada.

- Se eu for ferido, não quero que a minha tripulação veja o meu sangue e se amedronte. Quero que combatam até ao fim sabendo que vamos ganhar!

O imediato vai buscar o casaco e a tripulação é vitoriosa na batalha. Passado uma semana o imediato torna a chamar o capitão por causa de outro navio pirata. O capitão torna a observar o navio, verifica que este é maior e diz:

-Traz-me o meu casaco vermelho e as minhas calças vermelhas. O imediato assim faz, o capitão veste-se e travam nova batalha. Uma vez mais, são vitoriosos. Duas semanas depois o imediato torna a chamar o capitão para ver mais um navio pirata. O capitão observa o navio ao longe e repara que este é de um tamanho colossal. Diz o capitão:

- Imediato… traz-me as minhas calças castanhas…

Mais anedotas de Ignorância

Bêbados num beliche

Dois bêbados resolvem dormir num beliche. O que ficou por cima, antes de adormecer, resolve rezar:

- Com Deus me deito, com Deus me levanto e mais a virgem Maria e o espírito Santo.

De repente, cai da cama abaixo. O amigo vira-se e diz:

- Estás a ver o que dá dormir com muita gente!

Professora pede boas ações

Uma professora:

- Hoje é o dia mundial das boas ações, portanto, o Joãozinho, o Carlinhos e o Zezinho - que eram os três "melhores" alunos da turma - vão lá fora praticar uma boa ação, e voltam para contar aos colegas o que fizeram, está bem?

Os miúdos lá foram e passado quase uma hora voltaram.

- Então Joãozinho, qual foi a boa ação que praticaste?

- Eu ajudei uma velhinha a atravessar a rua!

- Muito bem, e tu Carlinhos?

- Eu também ajudei a velhinha a atravessar a rua!

- Ah sim? E tu Zezinho?

- Pois... Eu também ajudei a velhinha a atravessar a rua!

- O quê? Os três!?!? Então e demoraram tanto tempo porquê???

- Não havia maneira do raio da velha querer atravessar a rua!

Mosquitos iluminados

Dois alentejanos resolvem ir acampar.

Ao cair da noite, o local escolhido para o efeito começa a ficar cheio de mosquitos, pelo que resolvem abrigar-se dentro das tendas, por debaixo dos cobertores.

Passado algum tempo, um dos alentejanos observa uns insetos luminosos a aproximarem-se (pirilampos) e diz ao outro:

- Ó Maneli, é melhor irmos embora porque os danados foram buscar lanternas...