Anedotas Club

Anedotas de Ignorância

87 / 91

Sem queixas

Num bar, um sujeito diz a outro:

- Em quarenta anos de trabalho servi milhares de clientes e nunca um único deles se queixou!

- Ena, sim senhor... E que faz você?

- Sou cangalheiro.

Mais anedotas de Ignorância

Mosquitos iluminados

Dois alentejanos resolvem ir acampar.

Ao cair da noite, o local escolhido para o efeito começa a ficar cheio de mosquitos, pelo que resolvem abrigar-se dentro das tendas, por debaixo dos cobertores.

Passado algum tempo, um dos alentejanos observa uns insetos luminosos a aproximarem-se (pirilampos) e diz ao outro:

- Ó Maneli, é melhor irmos embora porque os danados foram buscar lanternas...

Um camelo inteligente

Num certo dia entra um homem dentro de uma loja de camelos no meio do deserto. Após pagar, o comerciante deu as indicações:

- Para ele andar diga "Graças a Deus" e para ele para parar diga "Rem".

Após sair da loja, e com o camelo, ele diz "Graças a Deus" e consegue meter o camelo a andar. Após algum tempo a passear com camelo ele avista uma ravina e já não se lembrava da palavra para parar o camelo. Estava a três centímetros de cair com o camelo quando ele se lembra e diz "Rem".

Após conseguir sobreviver, e agradecido por ter escapado da morte, diz:

- Graças a Deus!

Reduza cada vez mais…

Um gajo compra um carro novo, e vai para a estrada para o testar, e puxar por ele.

Ia o gajo a 170, quando vê uma placa: “REDUZA A 100 KM”.

O tipo, começa a mandar vir, mas resolve obedecer à placa.

Passados uns tempos vê: “REDUZA A 50 KM”.

O gajo fica lixado, pois queria testar o carro novo e não podia.

Passados mais uns tempos a placa: “REDUZA A 20 KM”.

O tipo não via motivo nenhum para aquele limite de velocidade, até porque aquela estrada nunca tinha ninguém.

Passados mais uns tempos vê a placa “Bem-vindo A REDUZA”.