Ignorância

31 / 91

Desta vez não perco!

Uma senhora levou a filha de 17 anos ao médico, queixando-se que a menina estava com vômitos, tonturas, e que tinha perdido o apetite.

Após o término da consulta, o médico concluiu:

- Minha senhora, a sua filha esta grávida de 3 meses!

- A minha filha? Ela nunca esteve sozinha com um homem! Não é verdade, minha filha?

- Eu nem sequer beijei ainda um homem, mãe!

O médico tira um binóculo da gaveta, aproxima-se da janela e ficou calado, a olhar para o infinito.

Passados minutos, a mãe, admirada e farta, perguntou ao médico o que se passava.

O médico respondeu:

- Da última vez que isto aconteceu, nasceu uma estrela no Oriente e chegaram três reis magos. Desta vez não vou perder o espetáculo!

Mais anedotas de ignorância

87 / 91

Sem queixas

Num bar, um sujeito diz a outro:

- Em quarenta anos de trabalho servi milhares de clientes e nunca um único deles se queixou!

- Ena, sim senhor... E que faz você?

- Sou cangalheiro.
36 / 91

Demasiado poder

Um comandante, achando que os seus subordinados não estavam a respeitar a sua liderança, resolveu colocar a seguinte placa na porta do seu gabinete, logo que chegou pela manhã:

- "Aqui quem manda sou eu!"

Ao voltar de uma reunião, encontrou o seguinte bilhete junto à placa:

- "Sua esposa ligou e disse para o senhor levar a placa dela de volta para casa."
32 / 91

Tu és dinamite!

Um grupo de motards vinha por uma estrada, quando de repente se deparam com uma jovem mulher a ponto de pular de uma ponte. Eles param e o líder se aproxima desta e pergunta:

- Que diabos você está a fazer?

- Vou me suicidar - responde a jovem.

O motard pensa por alguns segundos e diz:

- Bom, antes de saltar porque não me dás um beijo?

Ela acena com a cabeça, coloca de lado os cabelos e dá um longo beijo na boca do motard. Os companheiros aplaudem, o motard recupera o fôlego e admite:

- Esse foi o melhor beijo que me deram na vida. Se morreres será um desperdício. Porque queres morrer?

- Meus pais são muito antiquados, não gostam que eu me vista de mulher!