Família

45 / 49

Cruzeiro em risco

O casal está prestes a embarcar no cruzeiro.

O homem olha para a mulher, que vem carregada de malas e diz:

- Devias ter trazido era o piano...

- Deves achar que tens muita piada!

- Não, a sério... É que deixei os bilhetes em cima dele...

Mais anedotas de família

47 / 49

Esposa furiosa

A esposa chega tarde a casa e vai para o quarto.

Na sua cama vê 4 pernas debaixo do lençol. Irritada agarra um taco de basebol e começa a bater nos 2 sem piedade.

Para se acalmar, vai à cozinha beber água e fica surpreendida ao encontrar o marido a ler o jornal. O marido diz:

- Olá querida! Já chegaste? Os teus pais chegaram hoje e deixei-os dormir na nossa cama. Deves estar com saudades, não?
42 / 49

Divórcio por compatibilidade de feitios

Uma mulher apresentou ao juiz um pedido de divórcio. O juiz chamou-a a depor e perguntou-lhe:

- A dona Amélia tem a certeza do que está a pedir? A senhora quer o divórcio por compatibilidade de feitios? Não ser o contrário?

- Não, Meritíssimo, é mesmo por compatibilidade. Eu gosto de cinema e o meu marido também. Eu gosto de ir à praia e ele também.

Eu gosto de teatro e ele também. Eu gosto de homens... e ele também.
17 / 49

Era o que me faltava!

Um rapaz vai a uma farmácia e diz ao farmacêutico:

- Senhor, dê-me um preservativo. A minha namorada convidou-me para ir jantar esta noite lá a casa, já saímos há três meses, e ela começa a querer desenvolvimentos! O farmacêutico dá-lhe o preservativo e o jovem sai da farmácia.

De imediato, volta a entrar, dizendo:

- Senhor, é melhor dar-me outro, porque a irmã da minha namorada, é uma boazona de primeira e passa a vida a cruzar as pernas à minha frente. Acho que também quer algo, e como vou jantar hoje lá a casa...

O farmacêutico dá-lhe o preservativo e o jovem sai da farmácia. De imediato, volta a entrar, dizendo:

- Senhor, é melhor dar-me outro, porque a mãe da minha namorada também é boa como o milho. A velha, quando a filha não está ao pé, passa a vida a insinuar-se dum modo que me deixa atrapalhado, e como eu hoje vou jantar lá a casa...

Chega a hora da comida e o rapaz está sentado à mesa com a sua namorada ao lado, a mãe e a irmã à frente. Nesse instante entra o pai da namorada e senta-se também à mesa. O rapaz, baixa imediatamente a cabeça, une as mãos e começa a rezar:

- Senhor, abençoa estes alimentos, ..., damos-te graças por estes alimentos, ...

Passa um minuto e o rapaz continua de cabeça baixa rezando:

- Obrigado Senhor por estes dons...

Passam cinco minutos e prossegue:

- Abençoa Senhor este pão...

Passam mais de dez minutos e o rapaz continua de cabeça baixa rezando. Todos se entreolham surpreendidos e a namorada diz-lhe ao ouvido:

- Meu amor, não sabia que eras tão crente!

- E eu não sabia que o teu pai era farmacêutico!
www.000webhost.com